09
jan

Samba, lixeira, impressoras e performance

Samba_logoAlgumas dicas que merecem ser resumidas para quem está compartilhando impressoras para uma rede Windows, via Samba no Linux.

  • Se o driver da HP não permite, então pare por ai. Exemplos:
    •  Compartilhar FAX e Scanner.
  • Para eliminar o “Access Denied” (que não impede a funcionalidade) basta adicionar no smb.conf:
    • use client driver = yes
  • Quando uma impressora é compartilhada no linux, de forma padrão, ela espera receber comandos em PostScript, por isso no Windows recomendo selecionar o primeiro driver da Apple quando for instalar a impressora compartilhada.
  • Se fizer questão de usar o driver Windows original da impressora para imprimir ou se  por um acaso perder alguma funcionalidade ou qualidade usando o driver PostScript padrão da impressora Apple, você pode compartilhar a impressora em modo RAW para que possa usar o driver original do Windows.
    • Para isso, instale uma nova impressora no Linux, usando o CUPS ou gerenciador predileto, como o do GNOME ou o do KDE. Ao chegar na etapa de selecionar um driver, observe mais abaixo e use a opcão RAW, que NÃO usa driver nenhum. Esta opcão permite uma comunicacão direta do Windows para a impressora, sem interpretacão alguma pelo Linux.
    • Num ambiente misto, Linux e Windows, sugiro usar ambas as opcões. Por exemplo compartilhar uma “HPwindows” (usando RAW) para os micros Windows na rede e a impressora normal com o driver correto para as estacões Linux.

Performance e Virtualização

  • Já tive vários problemas de performance em máquinas Windows virtualizadas, tanto pelo XEN como VMware. Resolvi:
    • Especifique apenas uma porta pro Samba, pois o WindowsXP tenta mais de uma, gerando erros nos logs e lentidão no samba. Use o seguinte parâmetro no smb.conf:
      • smb ports = 139
    • Se for o servidor Samba principal da rede, use:
      • local master = yes
      • preferred master = yes
      • wins support = yes

Lixeira

  • Que tal instalar uma lixeira no samba, para não perder pastas que os usuários “acidentalmente” apagam?
    • Basta adicionar a seguinte linha na configuracão de sua pasta compartilhada no /etc/samba/smb.conf:
      • vfs objects = extd_audit, recycle
    • Ele criará automaticamente a pasta .recycle dentre de sua pasta compartilhada. Verifique as permissões deste diretório para que funcione com todos os usuários que tem acesso.

Dicas para quem já está mexendo com isso. Se precisar de mais detalhes, comente aqui!

Alroger Filho

One Response to “Samba, lixeira, impressoras e performance”

© 2017 Cafe TI – pra perder o sono. | [RSS] Artigos and [RSS] Comentários

Design by Web4 Sudoku - Powered By Wordpress